A magia, os superpoderes e o Valor Humano

super herois3

“Penso que todos nós gostávamos de ser mágicos e ter uma varinha, estilo Harry Potter, que obedecesse aos nossos comandos e realizasse rapidamente o que desejamos. Ou, então, ter superpoderes, estilo qualquer super-herói, que nos permitisse fazer coisas que um Ser Humano normal não consegue fazer.

No entanto, existem muitos Seres Humanos que, dada a sua força interior, conseguem realizar tarefas sociais ciclópicas com uma energia e resiliência dignas de um super-herói. Só que não são tão espetaculares. Grande parte das vezes demora mais tempo para se conseguir vislumbrar um resultado deslumbrante.

A iniciativa, empenho, dedicação, motivação e empreendedorismo que colocam ao serviço dos outros, congregando a boa vontade de muitos à sua volta, é de tal ordem que demonstram capacidades sobre-humanas e de imenso Valor Humano.

Não sei de onde nos veio esta ideia de querermos ser super-heróis ou mágicos, mas seguramente tem tudo a ver com as artes da guerra e a vontade forte de querer eliminar o inimigo sem esforço físico nem mental.

Imaginem se a grande maioria de nós possuísse superpoderes, neste caso o mundo era um campo de batalha imenso sem paz nem tranquilidade, onde os super-heróis tentavam constantemente eliminar os seus inimigos. Nesse mundo haveria seguramente uma metade a combater a outra metade, onde as características de Seres Humanos desapareceriam rapidamente.

Nos dias de hoje o Homem transformou muita tecnologia em objetos de magia ou de superpoderes. É o caso de grande parte dos equipamentos eletrónicos (smartphones; smartwatches; tablets; computadores; jogos eletrónicos; internet; etc.). E o Homem sente-se um mágico e um super-herói onde tudo acontece no mundo virtual, num abrir e fechar de olhos ou com um estalar de dedos. De tal modo é assim, que há Homens que exigem de outros Homens a realização de tarefas com um estalar de dedos. Ou seja, é para ser realizado JÁ.

Não há jovem, mesmo sem uma personalidade e um caráter bem formados que não se sinta um super-herói. Mais grave ainda, é quando colocam esses jovens a tomar decisões com ‘equipamentos de magia’.

Ora, o Valor Humano tem a grande capacidade em transformar cada um de nós em super-heróis, fazendo uma magia real de transformar outros Seres Humanos, acrescentando-lhes Valor. E, se pretendermos, podemos ser TODOS mágicos sem querermos prejudicar ninguém nem combater outro semelhante, a não ser o mal que ele possa querer provocar.

É verdade, o Valor Humano não é tão espetacular num curto intervalo de tempo, como os superpoderes ou a magia, mas é igualmente eficaz e eficiente nos resultados de longo prazo. Ou seja, o Futuro passaria a ser uma agradável surpresa pelas melhorias significativas que produziria em cada um de nós.

Outro aspeto fabuloso, relacionado com o Valor Humano é que num ‘passe de magia’ poderá transformar Seres agressivos em Seres pacíficos, ou também, Seres sem Valor em Seres com Valor Humano. Esta sim é uma transformação que nenhum super-herói consegue realizar.

Para tristeza de muitos de nós, o Homem continua a apostar nos super-heróis e nos mágicos, fabricando mais e mais equipamentos eletrónicos de magia, jogos alienantes, realidade virtual debilitante e, em vez de passarmos a ter maior Valor Humano transformamo-nos em Seres mais dependentes e sem valor, dadas as características viciantes e alienantes dessa realidade (tal como está hoje a ser desenvolvida em grande escala).

O mesmo se passa com o desenvolvimento de robots. Na impossibilidade de dar instruções escravizantes a Seres Humanos, o Homem criou os robots para que estes realizem tarefas sem contestar ou reagir. E, assim, continua tudo na mesma, o espírito Humano não muda, apenas se desvia para uma realidade paralela daquela mais brutal e primária.

A realidade virtual e a inteligência artificial estão nesse caminho de desenvolvimento. Estas metodologias acabam por dominar os Seres Humanos através da realização de tarefas em automático e com capacidade de decisão dita inteligente. Substituem, assim, os Humanos em tarefas de raciocínio, para impor uma prática que poucos dominam e a grande maioria não sabe como controlar.

É assim nas novas artes da guerra, com a difusão dos ‘drones’ e dos mísseis teleguiados com GPS e ‘inteligentes’. As batalhas não se travam olhando o inimigo nos olhos, nem sentindo a dor, mas apenas manejando e manipulando equipamentos que movimentam os robots conforme os desejos.

O Valor Humano está totalmente ausente no ato de manipular esses robots, apenas está virtualmente presente no ato de o desenvolver. Mas neste caso dir-se-ia que é um desenvolvimento de fraco Valor Humano, pois não se destina a melhorar, mas a destruir outro Ser Humano.

Não deduzam das minhas palavras que não existem aspetos positivos em todas estas tecnologias que mencionei. O mesmo se passa com os Super-Heróis, que apenas pretender ajudar a Humanidade contra o mal. É claro que existem, mas rapidamente são desviadas por quem detém o poder para realizar outras tarefas que causam dominação. E quando não são utilizadas para dominar, raramente são utilizadas para criar maior Valor Humano. Normalmente são usadas para negócio lucrativo, determinado pelos mercados.

Só o Valor Humano não tem o PODER de dominar. Esta característica do Ser Humano apenas pretende desenvolver maior Valor, exercendo o PODER para inteligentemente contribuir para uma Sociedade mais justa, difundindo os Valores Humanos como princípios de conduta e prática de Vida.

Se assim o fizermos, posso assegurar-vos que a magia transformará muitos de nós em Seres heroicos de desenvolvimento de Valor Humano.”

Alfredo Sá Almeida                                                                                                      18 de Abril de 2015

Anúncios

One thought on “A magia, os superpoderes e o Valor Humano

  1. Pingback: Títulos dos Textos publicados no Blog | Valor Humano

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s