A necessidade de um Inconformismo de Valor Humano

Inconformismo3

No outro dia, em conversa com a minha querida companheira Angela Alem (https://angelaalem.wordpress.com/), falávamos da insatisfação do Homem e da capacidade que esta tem de mover o mundo. Lembrou-me que em tempos escreveu um texto sobre este tema “A insatisfação do Homem move o mundo”. Não podia estar mais de acordo com ela, sobretudo porque se trata aqui de uma insatisfação ativa.

No entanto, vou servir-me do meu espírito de pesquisador para reposicionar este importante tema no universo do Valor Humano, pois é nele que estou focado.

Veio, igualmente, à minha lembrança as palavras do meu amigo Prof. Nelson Lima sobre a matéria. Ele se apelida, e bem, de Inconformista. Afirma: “Precisamos mais é de melhorar a nossa condição humana pois já temos idade (200 mil anos de “homo sapiens sapiens”) para ter juízo.

Continuamos muito lógico-matemáticos (daí o progresso da Ciência e da Tecnologia) mas pouco interessados no progresso da moral, do carácter e das virtudes. Ora para quem se diz ter uma “alma”, ser crente em Deus e superior aos outros seres vivos é, no mínimo, de espantar.” – Nelson Lima.

Eu estou inteiramente de acordo! Prefiro o conceito de INCONFORMISTA ao de INSATISFAÇÃO pelo facto de ter um caráter mais ativo que passivo. Relembro as palavras de Platão:

Inconformismo2

É nesta dimensão de Inconformismo que o mundo está carente, sobretudo ativo com caráter de Valor Humano. A razão disto prende-se com o facto de assistirmos com muita frequência a Pessoas insatisfeitas mas que acabam por concretizar a sua insatisfação de forma errada e sem Valor. Apesar de ser um inconformismo não passivo, acaba não tendo consequência positiva para o incremento do Valor Humano.

Este, a meu ver, é o fulcro da questão. As Pessoas devem repensar sobre a inconsequência positiva dos seus actos. Não basta ser inconformista ativo. Se somos Seres inteligentes, conhecedores e bem informados, temos de desenvolver a nossa capacidade de argumentação para influenciar os nossos pares de modo positivo. Seja pela palavra, seja pelo exemplo.

Relembro o que tenho vindo a defender sobre a Inteligência e Consciência Coletivas. “Os Valores Humanos devem constituir os pilares do relacionamento interpessoal, consciência e Inteligência Emocional GLOBAL, numa integração inteligente de todos os Valores Humanos num SER que constrói a sua personalidade e o seu caráter, com sabedoria, educação e inteligências multifacetadas.” – Alfredo Sá Almeida (no texto “Consciência de Futuro Coletivo” do meu livro “Despertar para o Futuro”).

Gostaria de salientar o facto da maioria dos representantes de 1% da riqueza mundial também serem inconformistas ativos, mas sobretudo para ‘engordar’ as suas contas bancárias. As suas ações acabam por não ter repercussão no bem-estar coletivo, nem no bem-comum. Por outro lado, não ajudam a desenvolver o Valor Humano altruísta, preferindo concentrar-se noutras características Humanas de menor valor.

É caso para perguntar: “Será que o facto de os representantes dos mais ricos do Planeta estarem cada dia mais ricos, tem contribuído para um incremento significativo do Valor Humano?”

Espero que não me venham argumentar, que estes ‘representantes’ apenas querem aguçar as necessidades do Homem para que este se torne mais criativo!

Inconformismo1

“Observe bem estas fotos, que retirei do Facebook, e pense por que razão todos os Países do mundo não agem com o mesmo sentido de responsabilidade. São imagens recolhidas no Japão, em diferentes períodos históricos, mas que demonstram uma preocupação e uma vontade de um Povo em ser melhor e estar melhor preparado para o Futuro.

Todos os Países têm capacidade de o realizar, mas só alguns o fazem com dedicação e empenho.” – Alfredo Sá Almeida.

Foto superior: Um mês depois da bomba H em Hiroshima, 1945.

Foto inferior: Um mês depois do terremoto e tsunami, 2011.

Educação Japão

“Para conhecer o Universo da mente Humana você necessita da sua empatia, de outro modo ficará limitado na sua visão. O racionalismo puro não faz uma mente completa. Aventure-se, emocione-se, atreva-se, dedique-se, empenhe-se, ame e apaixone-se, verá que o Mundo contém belezas inexplicáveis que produzem bem-estar e criatividade.

Sobretudo, desperte para o Futuro pois ele também lhe pertence.” – Alfredo Sá Almeida.

Cada mente é um universo infinito

“…Porque, certos ou errados, cada um pode brilhar no seu tempo e fazer a compreensão da vida acontecer num diálogo constante, ainda que muitas vezes, e como é o caso, cada interlocutor intervenha expondo as suas ideias e conclusões entre longos, silenciosos e refletidos intervalos no tempo.” – Grácia Nunes.

Então meus caros Leitores, não será melhor desenvolvermos a nossa mente Inconformista ativa de Valor Humano?

Alfredo Sá Almeida                                                                                                      17 de Maio de 2016

Anúncios

6 thoughts on “A necessidade de um Inconformismo de Valor Humano

  1. Sem dúvida.
    Inconformismo como agente transformador dos aspectos negativos do ambiente.

    Fantásticas as fotos do Japão, não é?
    Duvido que fizéssemos parecido por aqui caso tivéssemos desastres dessas proporções…

    Com sua licença, convido a baixar a antologia Microcontos Volume 2, grátis na Amazon até sexta:
    https://www.amazon.com.br/dp/B01FLB9A1C/

    E ficaria honrado se recebesse uma avaliação sua.

    Grande abraço,
    Lucas Palhão

  2. Como sempre, um texto ponderado, equilibrando o raciocínio lógico(do cientista) com os ‘alertas’ de muita emoção positiva sobre a importância de incluirmos em nossas INSAFISTAÇÕES os VALORES HUMANOS para que tal insatisfação colabore para a Evolução da Humanidade em todos os aspectos. PARABÉNS por sua capacidade de unir sua Sensibilidade e Inteligência Muito poucos conseguem isso. É por isso que admiro muito tudo o que escreve e faz, meu escritor favorito ❤

  3. As fotos são fiéis ao tema do post: quem se “conforma” com o que sabe não se dispõe a aprender. Aprendizes são inconformados por natureza. E vice-versa. E assim mudam o mundo.
    Abraços!

  4. Pingback: Títulos dos Textos publicados no Blog | Valor Humano

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s