A ausência de Valores Humanos impede a Paz

Paz2

A Paz é, simultaneamente, um Valor Humano Individual e Coletivo. A Paz interior não deve estar dissociada da Paz no relacionamento em Sociedade, sob pena de desregular a boa harmonia social.

“Quando a paz diz respeito ao plano individual, em geral, faz referência a um estado interior despojado de sentimentos negativos como o ódio ou a fúria. Por sujeito em paz entende-se qualquer pessoa que esteja tranquila (ou de bem) consigo mesma e, por conseguinte, com os outros.” (https://conceito.de/paz)
“A nível político e para o direito internacional, a paz é a situação e relação mútua vivida por aqueles que não estejam em clima de guerra. Trata-se, nestes casos, de uma paz social, onde são mantidas boas relações entre comunidades de indivíduos.” (https://conceito.de/paz)

Vivemos num mundo global extremamente competitivo, agressivo, stressante, dominado pelo dinheiro, de compromissos inadiáveis, ausente de Valores Humanos, etc. Num ambiente desta natureza é inevitável um extremar de posições. Estes são os elementos fulcrais para a radicalização de posições e a busca de soluções pela força. A razão, a boa harmonia, a concórdia, a paciência e a quietude de ânimo acabam por se desvanecer.

Nem sempre, a ausência de Paz conduz à Guerra, mas conduz com maior probabilidade a um ambiente de guerrilha permanente. Este será bem mais desgastante e muito nocivo para uma Paz duradoura.

“O mundo está em guerra porque perdeu a paz” – Papa Francisco.
“Quando falo de guerra, falo de uma guerra de interesses, de dinheiro, de recursos, mas não de religiões. Todas as religiões querem a paz, são os outros que querem a guerra” – Papa Francisco.

Exemplos sobre a afirmativa do Papa Francisco existem muitos. Menciono apenas um (muito recente):
“ONU critica os cortes propostos pelo presidente Trump” (25 DE MAIO DE 2017)
(https://www.dn.pt/mundo/interior/proposta-orcamental-dos-eua-impede-manutencao-de-paz-pela-onu—porta-voz-de-guterres-8505330.html)
“Os cortes apresentados na proposta orçamental do presidente dos EUA para a Organização das Nações Unidas (ONU) vão impossibilitar as respetivas operações de manutenção de paz, alertou um porta-voz do secretário-geral, António Guterres.

O porta-voz Stéphane Dujarric, cujas declarações estão divulgadas em vários órgãos de comunicação internacionais, disse que “os números apresentados vão simplesmente impossibilitar a continuação do trabalho essencial da ONU relativo a promover a paz, o desenvolvimento, os direitos humanos e a assistência humanitária”.

O correspondente da BBC na ONU, Nick Bryant, realçou que este aviso da ONU é invulgarmente rude.”

Recordo aqui um excerto do Livro de Moacir Gadotti “Pedagogia da Terra” (Editora Peirópolis) sobre os equívocos nos processos que conduzem à Paz.

Sentido da Paz - Moacir Gadotti

Quantas vezes já ouviram afirmar “O melhor tempo para investir, é agora!”

No entanto, quando me perguntam sobre a implementação de uma Sociedade de Valor Humano, eu direi “O melhor tempo para a implementar, é sempre!”

Perante as questões anteriormente levantadas, podemos verificar que os Valores Humanos são essenciais para uma consolidação e sustentabilidade da Paz. Senão, vejamos os significados de Paz in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa (https://www.priberam.pt/dlpo/paz)

1. Quietação de ânimo.
2. Sossego, tranquilidade.
3. Ausência de guerra, de dissensões.
4. Boa harmonia.
5. Concórdia, reconciliação.
6. Paciência.

Estes são seguramente bons argumentos para uma Educação em Valores Humanos.

“Não sei por que as pessoas têm dividido o mundo inteiro em dois grupos, Ocidente e Oriente. A educação não é nem oriental nem ocidental. A educação é a educação e é o direito de cada ser humano”. – Malala Yousufzai.

Eu completo esta afirmativa de Malala Yousufzai. Os Valores Humanos são Universais, como tal não faz sentido dizer que uma Educação em Valores Humanos só será bem-sucedida no Ocidente.

A melhor Paz é aquela que vem de dentro, que se difunde naturalmente pela Sociedade e que é construída pelo Valor Humano, sem imposições de Governos ou das Instituições. “Só ‘desarmando’ o interior do Ser Humano, pela Educação em Valores Humanos, se atingirá uma Paz duradoura” – Angela Alem.

Alfredo Sá Almeida                                                                                      20 de Janeiro de 2018

One thought on “A ausência de Valores Humanos impede a Paz

  1. Pingback: Títulos dos textos publicados no Blog – ‘saalmeida’ – sobre Valor Humano – Valor Humano

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s