A distorção de Valores Humanos

Valores errados

Muitos de nós nos admiramos do atual estado de relacionamento em sociedade. Sobretudo aqueles, como eu, que possuem Valores Humanos e os praticam com a naturalidade de um Ser Humano.

Não é só a ausência de Valores, ou a adesão a antivalores que conduzem a sociedade a uma desumanização. A Humanidade está doente porque são poucos a transmitir estruturadamente os Valores Humanos aos demais. Sobretudo na fase inicial da vida das crianças e dos jovens e na sua integração em sociedade.

A desumanização também é consequência de uma distorção dos Valores Humanos por ignorância, indiferença, negligência ou propósito desviante, daqueles que tudo fazem para atingir determinados objetivos sem olhar a meios.

O preconceito, a inveja, a arrogância, a ignorância e outras tantas características negativas da personalidade e do caráter das Pessoas conduzem normalmente a distorções nefastas para o bem-estar da sociedade.

Por outro lado, muitos detêm um poder que não se coaduna com o baixo Valor que possuem. Quando esse poder desproporcionado lhes ‘sobe à cabeça’ acaba distorcendo o sentido da vida da Humanidade, com atitudes e comportamentos típicos de uma falta de educação e de Valores Humanos.

Outros consideram que distorcer os Valores da Humanidade é uma atitude criativa, como se essa criatividade estivesse imbuída de Valor Coletivo.

Enfim, a permissividade excessiva também é resultado de uma tolerância elevada. Na vida do Homem não vale tudo. A Humanidade tem Valores que devem ser compreendidos, considerados e respeitados sob pena de nos perdermos como Seres Humanos.

Alfredo Sá Almeida 17 de Maio de 2018