Que características Humanas vão acompanhar a Inteligência no Futuro?

Inteligencia_Colectiva

Este é um tema que deveria ser amplamente debatido não só nos meios académicos, mas sobretudo no ambiente empresarial e escolar.

Vem isto a propósito de uma entrevista importante de Franco Berardi“O Pensamento Crítico morreu” (Filósofo Italiano e professor de História Social dos Media na Academia de Brera, em Milão) publicada no Jornal Económico (Portugal) em 17 de Junho de 2018 (http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/franco-berardi-o-pensamento-critico-morreu-321558). Recomendo vivamente uma leitura atenta desta entrevista seguida de uma reflexão. Talvez essa nossa atitude possa contribuir para o ‘renascimento’ do Pensamento Crítico, que este Autor considera estar morto.

As respostas de Franco Berardi demonstram que o seu Pensamento não deixou de ser Crítico, mas os argumentos que apresenta são válidos quando considera que o atual Sistema Financeiro e o Capitalismo que o sustenta, servindo-se dos processos tecnológico e económico, estão a matar o Pensamento Crítico.

Analisemos este excerto da entrevista que mencionei:

O Pensamento Crítico morreu 2b

(http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/franco-berardi-o-pensamento-critico-morreu-321558)

A meu ver, o Pensamento Crítico só morrerá se nós deixarmos que morra, ou, nos predispusermos para não pensar e só agir. Mas mesmo a ação necessita de um certo planeamento para ser bem-sucedida. Por outro lado, o Homem não tem como abdicar de ser inteligente e construtivo. Este é um fenómeno irreversível.

Também considero que deveremos estar abertos ao imprevisível. Tudo vai depender dos elementos imprevisíveis e de quem os criar. Aliás não existe Futuro sem um grau de imprevisibilidade. Os anseios do Homem nem sempre são suficientemente ponderados e integrados no conhecimento, que permitam traçar um caminho para o Futuro sem infalibilidade e imprevisibilidade. O próprio processo criativo apenas está focado numa parte do conhecimento. Toda a restante se encontra desfocada e nebulosa.

Todos nós sabemos que o Homem não é apenas um Ser inteligente (considerando as facetas Racional, Emocional, Social e Espiritual da Inteligência), ele está enquadrado numa Biosfera e envolvido numa Cultura de Valores que o moldam, em maior ou menor grau, durante a sua vida.

A questão que coloco para debate e reflexão é saber que características Humanas vão acompanhar a Inteligência no Futuro. Que atitudes e comportamentos vamos interiorizar e que nos vão caracterizar. O mesmo é dizer que Valores Humanos vão salientar as características da Inteligência do Homem!

Esta não é uma questão pacífica nem tranquila, porque existem muitos indivíduos com poder que consideram que o valor do dinheiro deve continuar a dominar e governar todas as características Humanas. E, com ele, a competitividade, a meritocracia e todos os vícios e desvalores Humanos que acompanham este sistema.

Ora, todos nós sabemos, que a ausência de Valores Humanos na vida do Homem só tem potenciado graves distúrbios mentais e muitos outros desequilíbrios nefastos à Sociedade. Considero que não é moldando a Sociedade pelo dinheiro e seus valores distorcidos, em muitos casos aberrantes, que o Pensamento Crítico renascerá.

O Pensamento Crítico é um processo aberto e saudável do raciocínio integrado com o conhecimento, permitindo aos Cidadãos exercerem com seriedade as suas responsabilidades sociais.

“O pensamento crítico consiste em analisar e avaliar a consistência dos raciocínios, em especial as afirmações que a sociedade considera verdadeiras no contexto da vida cotidiana.

Essa avaliação pode realizar-se através da observação, da experiência, do raciocínio ou do método científico. O pensamento crítico exige clareza, precisão, equidade e evidências, já que visa evitar as impressões particulares. Neste sentido, está relacionado com o ceticismo e com a detecção de falácias.” – (http://conceito.de/pensamento-critico)

Pensamento Crítico 2

(http://www.porto.ucp.pt/pensamento-critico?msite=15)

Para mim torna-se evidente a importância desta vertente de Pensamento estruturado, dada a natureza da Sociedade de Valor Humano que defendo e dos relacionamentos Humanos que se pretendem de Valor. A meu ver, torna-se difícil vislumbrar uma Sociedade Futura onde o Pensamento Crítico esteja morto. Considero uma aberração que tem de ser corrigida já e rapidamente. Se não o fizermos estaremos a deturpar seriamente o Futuro de toda uma Sociedade Global de Valor Humano.

Alfredo Sá Almeida                                                                                      19 de Junho de 2018

Anúncios

Porque é importante o Pensamento Crítico numa Sociedade de Valor Humano!

Groupthink

Como já tive oportunidade de escrever, em textos anteriores (*), os três pilares de sustentação da nova Sociedade Global de Valor Humano são: o Ser Humano, os Valores Humanos e a Educação.

Nesta Sociedade, tal como eu defendo (*), TODAS as Pessoas são suscetíveis de ser avaliadas por outras, com qualificação e certificação para tal, da qual resultará a atribuição de um Valor Humano.

“O sistema de avaliação é global e universal e é encarado com positivismo quer pelos avaliadores quer pelas Pessoas avaliadas.” – Alfredo Sá Almeida

O Valor atribuído a cada Cidadão é, também, um Valor económico que poderá ser trocado por produtos, serviços, formação, etc., necessários ao dia-a-dia de cada Um e à construção do seu desenvolvimento e do seu Futuro (*).

“Todo o Valor na Economia foi transferido para o Valor Humano. Os Seres Humanos possuem agora oportunidades IGUAIS para adquirirem Valor.” – Alfredo Sá Almeida.

O mundo global deixará de ter um sistema financeiro internacional (SFI) e dinheiro como valor na Economia.

Para uma maior compreensão deste meu raciocínio, recomendo aos meus Leitores uma leitura dos meus textos anteriores, onde é abordado com maior detalhe o método de funcionamento desta Sociedade paradigmática (p.f. ler (*)):

  1. “Valor Humano” – (https://saalmeida.wordpress.com/2015/03/20/valor-humano/);
  2. “Os Valores Humanos, os Antivalores e os Desvalores” – (https://saalmeida.wordpress.com/2015/03/30/os-valores-humanos-os-antivalores-e-os-desvalores/);
  3. “Características do Valor Humano comparadas com o valor do dinheiro” – (Características do Valor Humano comparadas com o valor do dinheiro);
  4. “Características de uma Sociedade baseada no Valor Humano” – (Características de uma Sociedade baseada no Valor Humano);
  5. “O Propósito do Valor Humano” – (https://saalmeida.wordpress.com/2015/09/04/o-proposito-do-valor-humano/).

Pelo facto de todo o funcionamento justo desta Sociedade de Valor Humano estar baseado num sistema de Avaliação de Pessoas em três vertentes – Pessoal, Profissional e Social – torna-se imperioso que cada Cidadão possua uma formação de base coerente, exigente e potenciadora de criatividade e excelência, onde os Valores Humanos são transversais a toda a Educação e a toda a Sociedade. Inerente a esta, estará o desenvolvimento do Pensamento Crítico de cada jovem que será aprimorado no adulto. Isto prende-se com o facto de se tornar essencial possuir competências de Pensador Crítico (ver fig.).

Pensador Crítico

(http://www.porto.ucp.pt/pensamento-critico?msite=15)

“O pensamento crítico consiste em analisar e avaliar a consistência dos raciocínios, em especial as afirmações que a sociedade considera verdadeiras no contexto da vida cotidiana.

Essa avaliação pode realizar-se através da observação, da experiência, do raciocínio ou do método científico. O pensamento crítico exige clareza, precisão, equidade e evidências, já que visa evitar as impressões particulares. Neste sentido, está relacionado com o ceticismo e com a deteção de falácias.” – (http://conceito.de/pensamento-critico)

Para mim torna-se evidente a importância desta vertente de Pensamento estruturado, dada a natureza desta nova Sociedade e dos relacionamentos Humanos que se pretendem de Valor.

6Cs Critical Thinking

(http://dtl3239.weebly.com/6cs-times-two.html)

Numa Sociedade de Valor Humano, faz ainda mais sentido que os focos principais estejam orientados para os 6C’s (ver fig. acima), a Cidadania, a Criatividade, o Pensamento Crítico, a Comunicação, a Colaboração e a Educação do Caráter. Não nos podemos esquecer que o fulcro é um sistema de Avaliação de Pessoas. E, se pretendemos ter um equilíbrio dinâmico, com tendência de evolução positiva nesta Sociedade, o Pensamento Crítico é uma chave mestra para esse desígnio.

(http://www.thinkwatson.com/the-red-model/red-critical-thinking-model)

Keys Critical Thinking

(Para Pensar de forma crítica, pense (R.E.D.) = R.A.T.Reconhecer Pressupostos; Avaliar Argumentos; Tirar Conclusões)

Este será fundamental para uma cuidada e correta Avaliação de Pessoas. Lembre-se que não estamos a JULGAR Pessoas, mas sim a AVALIAR o seu Valor Humano.

Apesar de na atualidade a Avaliação de Pessoas ter um caráter essencialmente Profissional (sobretudo a nível Empresarial) e ter uma vertente diferenciadora salarial, estando sujeita a ser aplicada por quotas (dado o esforço financeiro que implica), o sistema de Avaliação Pessoas que estou a defender para esta nova Sociedade aplicar-se-á a TODAS as Pessoas, não para as diferenciar salarialmente mas sim no seu Valor Humano, sem a preocupação de aplicar qualquer tipo de quotas.

É pelo facto das Pessoas possuírem Valor Humano, baseado num sistema de avaliação de caráter Humano, que nos devemos precaver com o Pensamento Crítico, contra erros sistemáticos e sistémicos operados por Pessoas com Valor mas desfocadas da essência do Ser Humano inteligente.

Se não o fizermos estaremos a deturpar seriamente o Futuro de toda uma Sociedade Global de Valor Humano.

critical-thinking1

Alfredo Sá Almeida                                                                                               23 de Maio de 2016