Faz-te à Vida …!

Esta é uma triste realidade, com muitas centenas de anos. O Homem, mal preparado educacionalmente na sua infância e juventude, tem de fazer-se à Vida para ganhar dinheiro para se sustentar (poder comer, vestir, constituir família, etc.). Dizem-lhe, “desembrulha-te” que já és um Homem! E aí vai ele, pelos caminhos da Vida até esbarrar no primeiro obstáculo.

Não admira que as profissões mais antigas da ‘Humanidade’ sejam a prostituição e a escravatura. Cada um desembrulha-se da pior maneira para a Vida, sem a devida preparação para as vicissitudes de uma Vida, que continuam a ser muito semelhantes passados séculos. Só mudou a tecnologia.

Dir-se-ia que o Homem é muito conservador nos seus propósitos. Mas deixou de ser revolucionário nos Valores Humanos transmitidos de geração em geração.

Deste modo é praticamente impossível ganhar Valor Humano. Honra seja feita àqueles que conseguem, apesar de todas as contrariedades, vencer e ganharem um estatuto de Valor.

O grande problema é que muitos de Nós consideram esta realidade ‘conservadora’ como normal e um modo de separar o ‘trigo do joio’ da Humanidade. E, ainda, há quem considere que esta é a melhor Escola que existe. Mas que método mais violento!

Este é o melhor método para obrigar as Pessoas na dinâmica do dinheiro, pois é a única maneira de manter o sistema a funcionar. O dinheiro é o único valor que lhes é permitido.

Imaginem agora um mundo apenas com Pessoas de Valor. Uns com mais Valor outros com menos, mas TODOS imbuídos em ganhar Valor (não dinheiro). Deste modo, o Valor passaria a ser a unidade que permitiria a cada um ganhar uma Vida decente e com sentido de Futuro.

Nesta nova realidade não existiria salário, nem luta de classes, porque cada um teria um Valor dinâmico desejado e associado à sua Vida e á sua conduta. Esta seria a verdadeira independência do Homem com possibilidade de ganhar Inteligência e Consciência Coletivas.

E, assim vai o mundo, cada dia com mais violência, distopia, falta de consciência, narcisismo, arrogância, indiferença e tantos outros antivalores que se tornaram a normalidade das Sociedades modernas. Os Valores Humanos, esses, estão remetidos ao abandono e ao preconceito dos praticantes de antivalores que se considerariam ‘dominados’ por uma Sociedade de Valor Humano.

Tanta ‘coisa’ má que teria tendência para acabar se a dinâmica do Valor Humano fosse instituída. Pensem bem: o racismo, a escravatura, o dinheiro, a iniquidade, a pobreza, a guerra, teriam tendência para serem erradicados deste planeta. Utopia! Dizem uns. Preguiçosos! Digo eu, a quem não pretende ‘mexer uma palha’ neste sistema tão injusto onde a equidade foi excluída de tudo. Dá muito trabalho implementar um Sociedade de Valor Humano, não dá? Mas a recompensa seria reconfortante para a Humanidade e o Humanismo.

Perguntam-me: “Qual é o segredo de uma Sociedade de Valor Humano?” – Resposta: “Uma Educação de Valor para TODOS!”.

Protejam-se bem nesta pandemia arrasadora.

Alfredo Sá Almeida                                                              5 de Julho de 2020

A Consciência do Valor

Detalhes de pensamento ativo

A Consciência que vos vou falar é mais que o simples estado desperto do nosso dia-a-dia. É ‘matéria’ abordada, debatida e explicada por diferentes disciplinas do saber: Neurociências, Psicologia, Filosofia, Ciências da Vida, etc. É uma multidimensão do Homem na sua interação vital em Sociedade.

Estamos a falar de uma aptidão exclusiva do Ser Humano, na sua dimensão mais nobre e superior, capaz de nos conduzir ao esclarecimento de fenómenos complexos e ao Futuro provável, dada a capacidade de inter-relação disciplinar, multidimensional, de foco e concentração que a nossa mente é capaz.

É a capacidade de construir níveis mais elevados de integração do conhecimento, das crenças, das sensações, das percepções e dos sentimentos na nossa mente, apesar de possuirmos uma dimensão inconsciente. Esta característica plural torna-nos únicos entre biliões de Seres. Por outro lado, esta nossa Consciência além de tornar, cada um de nós, em Seres únicos, transforma-nos em Seres Superiores. Mas saberemos nós usar essa nossa capacidade superior em prol do bem comum?

No entanto, cada EU único tem ainda a capacidade de agregar a dimensão do coletivo e contribuir para uma Consciência Coletiva, igualmente multifacetada.

É aqui, que os Valores intrínsecos do Ser Humano (Valores Humanos) entram para nos ajudar a tornar coerente e digna da nossa espécie, esta nova dimensão do Coletivo.

Apesar desta dimensão da Consciência, o Homem (dadas as circunstâncias que o envolvem) ainda é impelido a fazer, executar, realizar algo diferente que não está inteiramente de acordo com a sua consciência. Ou seja, o ‘ritmo’ da Sociedade tem uma influência mais ou menos nefasta sobre a consciência do indivíduo. O Indivíduo e a Sociedade nem sempre estão em harmonia. A ética ajuda-nos a equilibrar esta nossa multidimensão. Para tal temos de nos ‘desligar’ dos interesses pessoais para nos focarmos nos do bem comum.

“When the wrong man uses the right means, the right means works in the wrong way”“Quando o homem errado usa os meios certos, os meios certos funcionam da maneira errada” – Antigo Provérbio Chinês (mencionado por Alan Watts num vídeo em que nos ‘fala sobre o que está  errado no mundo’https://www.youtube.com/watch?v=ua_GATO13fc).

A Educação, é o universo do saber que nos transforma em Seres capazes e socialmente hábeis em resolver a complexidade do mundo Global.

O Homem, mesmo sabendo que pode dar errado (ou, que tem a probabilidade de dar errado) é capaz de arriscar a vida, a reputação, o Futuro da Sociedade, para executar (muitas vezes ‘sem pestanejar’) algo que está desajustado do bem  comum.

carl_jung_quanto_maior_for_a_carga_da_consciencia_colet_l25rgpw

Quantas e quantas vezes o tempo, o dinheiro, a ignorância, as influências negativas (indiferença, arrogância, etc.), os interesses pessoais e/ou a falta de ética, contribuem para prejudicar decisivamente o funcionamento harmonioso da Sociedade Global.

“Eu não sou o que aconteceu comigo, eu sou o que eu optei por me tornar” – Carl Jung.

Queremos sempre mais e melhor, sobretudo, das ‘substâncias’ mais efémeras, para consolidar um Futuro sem Valor nem dignidade. Desprezamos a inovação no perene e equilibrado para nos deleitarmos com o imediato volátil e o prazer de uma auto-satisfação vazia de sentido de Valor. Quando aprenderemos, que a Humanidade é o Valor maior que deveríamos preservar, acarinhar, valorizar, desenvolver, porque é nela que está o nosso Futuro!

alan_maiccon_cada_pessoa_tem_uma_expressao_consciente_d_lp0vwoq

Quando seremos capazes de dar Valor a um EU que está bem focado e preparado para um NÓS superior e digno de Seres Humanos?

Alfredo Sá Almeida.                                                                              15 de Maio de 2020

Caminho longo e difícil!

Quem o pretende percorrer?

duplo-caminho

Hoje, numa noite de pandemia, dei comigo a refletir sobre as utopias(?) que escrevo relacionadas com o Valor Humano, uma mudança sustentada do Paradigma da Sociedade Global, a transformação do Homem em Ser Humano, a difusão generalizada/globalizada do Humanismo e dos Valores Humanos.

Ah! Como eu gostaria que o Mundo pudesse abandonar a violência e relegá-la para o esquecimento! E, se a Paz fosse uma constante dinâmica da Vida, como seria o Futuro da Humanidade?

Ah! Mas será possível, algum dia, o Homem conseguir reduzir os seus vícios a uma ínfima expressão? Ah! Como eu gostaria de viver 300 anos de uma vida plena a desbravar o conhecimento, a consciência e o Valor Humano! Mas eu acabei de renascer para a Filosofia, ‘só sei que nada sei’! Como poderei percorrer um caminho tão longo e difícil? Só se for pela aprendizagem constante ao longo da Vida!

Ah! E o dinheiro? Esse elemento vil da Sociedade que escraviza todo o mundo! Será alguma vez possível substituí-lo pelo Valor Humano? Mas então, não serão as atitudes e comportamentos Humanos, desviantes e tóxicos, os destruidores da Consciência Coletiva e do Bem Comum da Sociedade Global?

Não, não me esqueci da Educação! Gostaria que a prática fosse bem distinta da atual! Toda Pública e de muita qualidade para TODOS, onde a Vida, o Valor, a Biodiversidade, a sustentabilidade da Biosfera fosse bem integrada na consciência Humana e o relacionamento em Sociedade fosse saudável e construtivo. Onde a Liberdade contribuísse para a construção do Bem Comum.

E, o Poder? Ah! Esse deverá ser democrático, sempre! O mais possível participativo e com consciência de Cidadãos do Mundo. E, conseguir persuadir as Pessoas por este caminho?

Pois bem, eu gostaria de conseguir transformar o Mundo de modo a TUDO isto poder acontecer, e, ser possível vivermos condignamente nesta dimensão dinâmica e vasta como o Universo.

Caminho difícil este, que escolhi por sentimento e vontade! E longo, também!

Mas enquanto a minha mente o conseguir percorrer eu vou percorrê-lo! Poderei, eventualmente, tropeçar nalguma ‘pedra’, mas espero não me ‘aleijar’ na queda. Quero percorrê-lo porque vale a pena! Porque o resultado seria um Mundo MELHOR para TODOS. Será que terei quem me queira acompanhar? Não importa a quantidade, mas a Qualidade de quem me acompanha. Uma Qualidade capaz de congregar outras mentes num Futuro Coletivo digno da nossa espécie.

Como conseguir integrar na mente do Homem um ‘gene’, um conectoma, uma ‘alma’ sonhadora com um Futuro de uma prosperidade que satisfaça toda a Biodiversidade? Onde cada EU acredita nas suas capacidades para construir um Valor que estará bem integrado na Sociedade Global.

Nos dias que correm, quase ninguém quer percorrer caminhos difíceis, preferem caminhos ‘limpos’, bem traçados, matematicamente delineados, virtuais se possível. Na atual realidade, a normalidade tem muitos adeptos, tem muitos seguidores, querem todos um AGORA expressivo e lucrativo. No pós-pandemia, todo o mundo quer recuperar o contacto Humano, mas não para mudar o sistema, o paradigma que escraviza o Homem à condição de ‘robot’ de uma Sociedade vazia de Futuro. O contacto Humano é apenas considerado um ‘escape’ temporário da condição de ‘robot’. O Amor é banalizado e não pleno, nem incondicional. ENFIM UM MUNDO CHATO E TRISTE! Onde todo o mundo reclama, se deprime e se ‘funde’ numa amálgama estéril!

Quero ser um Explicador de Valores Humanos e da Filosofia Humanista projetada no Futuro da Humanidade.

Quero viver muito e bem, com muito Amor, onde as Pessoas sejam dignas da sua condição de Ser Humano.

antoine_de_saint_sao_os_caminhos_invisiveis_do_amor_que_lkr8r3n

Quero poder dizer, como John Forbes Nash Jr. (Prémio Nobel de Ciências Económicas de 1994) no discurso ao aceitar o seu Prémio Nobel – “É somente nas misteriosas equações do amor que qualquer lógica ou razão pode ser encontrada”, dirigindo o olhar a sua mulher Alicia“Você é a razão de eu estar aqui hoje, você é a razão de eu existir, você é todas as minhas razões.” (*)

Alfredo Sá Almeida                                                                                9 de Maio de 2020

(*) Observação: Dedico este texto à minha querida Companheira de percurso vital, Angela Maria Figueiredo Alem.

O Valor Humano não é um Valor abstrato!

A Economia atual transforma-o em abstrato!

WorldPopulationDay2018

Muitos conceitos científicos evoluem com o tempo e o desenvolvimento Humano. Esta pandemia está a demonstrar-nos que chegou a altura dos conceitos, que suportam a Economia atual, evoluírem para a inclusão da vida do Ser Humano neste Planeta.

O facto de alguns autores considerarem os Valores Humanos como abstratos e os objetos, uma instituição, uma empresa, uma nação, um clube, etc. como concretos, não nos deveria levar a menosprezar os Valores intrínsecos do Homem.

A Economia como ciência que estuda e valoriza os produtos, os processos de produção, distribuição, acumulação, consumo de bens materiais e dos respetivos mercados tornou-se obsoleta pela exclusão da Vida, da sua sustentabilidade, da relação com as questões ecológicas e ambientais e pela exclusão do bem supremo, o bem comum à Vida em sociedade.

A Vida Humana com Valor deveria ser a dimensão científica em consideração para transformar TODA a prática da Economia em conciliação com a existência do Ser Humano na nossa Biosfera. Assim sendo, a filosofia Humanista seria o fundamento básico que daria ‘corpo’ ao Ser Humano, à Vida e ao Valor.

Avaliar o Valor Humano deveria constituir uma prática saudável e ética para transformar a Economia numa ‘ferramenta’ ao serviço da Humanidade. O desenvolvimento Humano sustentável seria o objetivo primordial, onde uma Educação Pública de qualidade contribuiria para a construção do nosso Ser. A Nós caberia a nobre tarefa de desenvolver, constantemente, o maior Valor possível com os elementos base ministrados e o ‘engenho’ da nossa mente, para dar Valor ao Futuro do Homem.

Haja coragem, inteligência e consciência coletivas e motivação para construir os alicerces deste novo conceito.

Alfredo Sá Almeida.                                                                                         1 de Maio de 2020

O Valor Humano resiste à morte do Ser

Tetraedro Regular

– A continuidade do Valor –

Esta é uma realidade que TODOS deveríamos interiorizar. Quanto mais Valor adquirirmos maior Valor deixamos para os nossos pares.

Este universo de Valor só pode existir com a aprendizagem constante ao longo da Vida. Não será de admirar o facto de este dar o verdadeiro sentido à Vida. Une as Pessoas e acrescenta-lhes substância vital.

Tanto tempo desperdiçado com frivolidades e guerra, seja de palavras ou violência física, para não acrescentar nada de Valor à Vida. Quantas Pessoas desconhecem o Valor de um bom debate para se perderem numa discussão estéril! A emoção descontrolada, desorientada e vazia acaba perdendo todo o Valor e destrói Vida. Nesses casos parece ter um comportamento de um vírus.

A resistência que vos falo é mais uma resiliência dinâmica capaz de evaporar o desaparecimento do Ser. É algo que só o Ser Humano é capaz de realizar – suplantar a Morte – apesar desta fazer parte da Vida. Não é por acaso que falamos da Alma do Ser. É uma dimensão mais no nosso universo.

Quantas dimensões afinal um Ser Humano é capaz de acrescentar à Vida neste  vasto Universo? Tantas quanto o Valor do seu Ser!

A figura que vos apresento no início deste texto representa um tetraedro regular. É um poliedro perfeito com um mínimo de faces para que o possamos chamar de sólido. É um pretexto para vos falar de Platão (Foi um filósofo e matemático do período clássico da Grécia Antiga, autor de diversos diálogos filosóficos e fundador da Academia em Atenas, a primeira instituição de educação superior do mundo ocidental. Ele é amplamente considerado a figura central na história do grego antigo e da filosofia ocidental, juntamente com seu mentor, Sócrates, e seu pupilo, Aristóteles. Platão ajudou a construir os alicerces da filosofia natural, da ciência e da filosofia ocidental, e também tem sido frequentemente citado como um dos fundadores da religião ocidental, da ciência e da espiritualidade. O assim chamado neoplatonismo de filósofos como Plotino e Porfírio influenciou Santo Agostinho e, portanto, o cristianismo, bem como a filosofia árabe e judaica.) – Wikipédia.

“O filósofo grego Platão estabelecia uma ligação dos poliedros com as forças da natureza. Hoje é possível estudar as formas moleculares existentes na natureza e observar que as ideias que Platão teve por volta do século V e IV a.C. são verificadas e comprovadas. O tetraedro regular é um sólido platónico representante do elemento fogo, figura geométrica espacial formada por quatro triângulos equiláteros (triângulos que possuem lados com medidas iguais); possui 4 vértices , 4 faces e 6 arestas.” (https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/matematica/tetraedro-regular.htm).

Platão é um exemplo do Valor que perdurou de geração em geração, por todos estes séculos, mantendo viva a chama do conhecimento e da interligação das disciplinas do saber.

Pena é que os Líderes Políticos do mundo atual não procurem aproximar-se do Valor de Platão, contribuindo assim para congregar melhor a Vida e o Futuro dos Cidadãos dos seus Países. Consequentemente, do Mundo em que vivemos.

Vivemos num momento da História do Homem onde TUDO pode dar certo na construção do nosso Futuro, assim os Políticos que influenciam a nossa Vida saibam ignizar o entendimento que nos transporte para uma dimensão de Valor Humano.

Alfredo Sá Almeida                                                                   22 de Abril de 2020

A Felicidade é um estado de espírito perigoso

A Felicidade

Vou transformar esta minha afirmação num texto satírico porque considero que é a melhor forma dos meus Leitores se aperceberem da importância da verdadeira Felicidade.

É natural e muito saudável que a mente e o corpo de qualquer Cidadão possa ser ‘inundada’ de Felicidade e alegria de viver. Mas temos de concordar que a nossa Sociedade não nos dá muitos incentivos nem razões para sermos Felizes, cada um à sua maneira.

Em Fevereiro do ano passado escrevi um texto: “Comprar Felicidade?” (https://saalmeida.wordpress.com/2018/02/17/comprar-felicidade/), por ter surgido um estudo ‘científico’ que afirmava – “Há uma quantia exata para a Felicidade, sugerem cientistas” (http://ptjornal.com/ha-uma-quantia-exata-que-traz-felicidade-sugerem-cientistas-240167).

Pois, já sabemos que a Felicidade se transformou numa ‘mercadoria’, tem um valor monetário e está disponível no ‘mercado’ para quem quiser comprar a dose que necessita. Para tal não temos de nos preocupar muito, nem possuir Valores Humanos, porque está ao alcance de uns ‘cobres’, na loja da esquina.

Não tem problema, afirmam as Pessoas, porque cada um tem a liberdade para interiorizar esta questão como quiser. A Felicidade é um preconceito, dizem uns, pois você pode adquiri-la como quiser e desfrutá-la a seu belo prazer, independentemente de quem estiver à sua volta.

‘Mas não será perigoso?’ Questionam alguns! A expressão dessa Felicidade pode trazer problemas! Não! Afirmam os ‘sabedores’ não tem problema nenhum, ‘quem estiver mal que se mude!’.

Bom, não será tanto assim, afinal pode produzir reflexos perigosos nos outros. Recentemente, surgiu um acontecimento grave, que transformaram em notícia, dando conta do seguinte: “Crime choca Itália: “Matei-o porque parecia feliz e não suporto a felicidade” (https://expresso.pt/internacional/2019-04-02-Crime-choca-Italia-Matei-o-porque-parecia-feliz-e-nao-suporto-a-felicidade#gs.4f1mem).

Perguntam os meus Leitores, ‘mas como é possível um maluco destes andar à solta?’. O problema (se é que algumas pessoas interiorizam este facto como um problema!) é que a Felicidade, sendo transformada em ‘coisa’, pode ser roubada por quem estiver afim disso. E haverá sempre uma justiça tolerante e de compaixão para o ‘infrator’. Vai ser julgado e terá direito a defesa paga pelo Estado. Certinho e limpinho. Está resolvida a questão.

Dirão alguns, ‘Valores Humanos na Educação/Ensino formal nem pensar que eu não quero o meu filho catequizado!’. ‘Eu é que educo o meu filho, a Escola só deverá ensinar as matérias necessárias para que ele possa trabalhar e ganhar dinheiro!’.

Pois é, enquanto pensarmos assim, não haverá Felicidade que nos valha. Esta foi a Felicidade que nos foi vendida por especialistas em marketing e vendas (do mais elevado gabarito). Não devemos admirar-nos, pois o mais provável é surgirem no Futuro casos semelhantes. NINGUÉM TEM O CUIDADO DE IMBUIR OS CIDADÃOS EM VALORES HUMANOS. Logo, cada um tem a Liberdade distorcida que quiser para agir a seu ‘belo’ prazer.

Eu estou muito triste com tudo isto, e, cada dia que passa observo, verifico, constato mais e mais casos GRAVÍSSIMOS de falta de Valores Humanos na grande maioria da Sociedade.

Tenho desenvolvido este tema do Valor Humano, de um modo sério, Humanista e com consciência crítica, há mais de cinco anos, para ser confrontado com esta triste realidade constantemente.

Eu continuo a ter o sonho de ver o tema dos Valores Humanos devidamente incluído no Ensino e Educação de TODAS as crianças e jovens por esse mundo fora, sem que esse facto provoque exaltações despropositadas e egoístas nas Pessoas.

O Futuro é uma ‘amálgama’, na mente de quem o ‘sente’, de Conhecimento, Ideal, Sonho e projeção temporal com o objetivo de tornar intrinsecamente melhor a Vida das Pessoas e sobretudo que possam ser mais Felizes e mais Conscientes que no presente.

Muitas Felicidades para TODOS os meus Leitores. Um grande abraço amigo, para TODOS.

Alfredo Sá Almeida                                                                               5 de Março de 2019

Que solução para o futuro do Homem?

Solução para o Homem 5

Parece estranha esta pergunta para quem domina TUDO e TODOS e que se julga um DEUS! (Yuval Noah Harari) Mas corresponde a uma triste realidade – ‘O Homem não se mostrou capaz de encontrar soluções sustentáveis e de Futuro para a sua vida nesta Biosfera!’.

Mas uma coisa é certa, só o próprio Homem tem a capacidade de encontrar a solução para os problemas que criou, mesmo julgando que era inteligente suficiente para os resolver. A não ser que prefiram ficar à espera de uns aliens  que nos venham impor uma solução!

Tantos e tão bons Escritores, publicando livros que são best-sellers, lidos por milhões de Pessoas em todo o mundo (como Yuval Noah Harari, Elizabeth Kolbert ou Al Gore), capazes de fazer uma análise exaustiva, científica, correta e inspiradora dos comportamentos Humanos nesta Sociedade Globalizada, e, não assistimos a uma resposta cabal, coletiva e duradoura para melhorar o Futuro do Homem com o pensamento no bem-comum!

Muitos de nós sabemos que os comportamentos Humanos nesta nossa Biosfera, não são sustentáveis e que a continuarmos assim, caminhamos para ‘A Sexta Extinção’ (Elizabeth Kolbert)!

Mas na realidade continua TUDO na mesma! Caminhamos para a nossa destruição como Seres Humanos e arrastaremos as outras espécies connosco!

Solução para o Homem 1

Não meus Amigos não se trata da sustentabilidade financeira mundial, ou, se o BREXIT com acordo ou sem acordo com a UE produzirá instabilidade dos mercados! Ou se a Venezuela e a Coreia do Norte deixarão de ser ditaduras! Ou se vamos continuar a consumir petróleo como maior fonte de energia!

NÃO, NÃO! … Somos NÓS que temos que encontrar uma solução viável para sermos Seres Humanos e não predadores insustentáveis! E, se não for a BEM (com o consenso da maioria) tem de ser por IMPOSIÇÃO dessa solução viável! Ou pretendem ter na vossa consciência a eliminação da face da Terra da grande maioria da diversidade de espécies e de NÓS próprios?

  • Será que não seremos capazes de encontrar os caminhos do BEM-COMUM para solucionarmos os nossos problemas?
  • Será que vamos continuar a defender que o Dinheiro, e quem o domina, é a entidade toda poderosa a que nos devemos subjugar para encontrarmos a melhor solução?
  • Será o VALOR HUMANO singular e coletivo a dimensão adequada para ser a plataforma de entendimento entre os Homens?
  • Vamos lá, meus Amigos, temos tantas opções que são viáveis para a grande maioria de NÓS e ficamos estupefactos e indiferentes perante tão dura realidade?

Se assim for, só vislumbro um grande problema que temos que resolver! Estamos todos VICIADOS neste modelo de Sociedade, que aconteça o que acontecer manteremos o nosso VÍCIO!

Solução para o Homem 3

Se o problema é o nosso VÍCIO, então existem soluções viáveis para o tratar! Só que não é de livre vontade que seremos ‘tratados’ (porque já demonstrámos que não temos força de vontade para o fazer)!

Bom, talvez a melhor solução seja divertirmo-nos muito e deixarmo-nos ‘anestesiar’ para termos uma morte coletiva ‘sem dor’!

Divirtam

  • Teremos NÓS a Inteligência Coletiva suficiente para mantermos os Valores Humanos de um Ser e sabermos transformarmo-nos em sustentáveis nesta Biosfera?

Bom, talvez prefiram abandonar este planeta e viajar para outro melhor! Os que cá ficarem que se ‘danem’!

Este é o meu ‘desabafo’, na tentativa (mais uma) de transmitir a minha modesta solução para os problemas da Humanidade. Continuo a acreditar que a SOLUÇÃO do VALOR HUMANO, como a tenho desenvolvido, é uma solução viável para os Seres Humanos responsáveis e conscientes do drama que criámos e que estamos inseridos.

Solução para o Homem 2

Alfredo Sá Almeida                                                                              12 de Março de 2019

 

Esta é uma viagem para o Futuro do Homem – This is a journey to the Future of Man

Convido os meus estimados Leitores a visitarem a minha nova página, subordinada ao tema do “Valor Humano” (https://valorhumano.me).

Passarei a publicar os meus textos, sobre o tema Valor Humano, nesta nova página.

A anterior ‘saalmeida’ (esta onde nos encontramos), dedicada ao mesmo tema, continuará a existir. Aí se encontrarão os 117 textos publicados desde Janeiro de 2015 até esta data.

Esta nova página será dedicada ao Futuro do Ser Humano e do seu Valor.

Grato por ter a sua companhia! – Thank you for having your company!

“Good company in a journey makes the way seem shorter.” — Izaak Walton

Being Human

Alfredo Sá Almeida                                                                  26 de Agosto de 2018

Os erros de percurso de hoje serão os desastres do futuro

Este título é uma evidência preocupante, sobretudo para quem é incapaz de aprender com os erros e de construir melhores soluções para o Futuro da Humanidade.

Nas últimas décadas da sua vida o Homem tem seguido imensos percursos, numa ânsia de encontrar um Futuro que se ajuste à sua espécie. Mas infelizmente está a fazê-lo de modo ‘desnorteado’ e ele próprio acaba não sabendo a que caminhos vai conduzir a Humanidade. Mesmo quando sabe, com um grau elevado de probabilidade a que fim poderá conduzir, prefere ignorar o conhecimento das realidades factuais para se refugiar numa criatividade destruidora.

Estes são erros que o Homem pagará muito caro num Futuro próximo. O Homem encontra-se num percurso em direção ao abismo, mas como tem uma obsessão de realizar ‘skydiving’ ou voar usando um ‘wingsuit‘ não está preocupado com o resultado.

Vamos dedicar-nos, um pouco, às realidades factuais:

RF 1https://hypescience.com/humanos-sao-001-da-vida-no-planeta-mas-ja-destruimos-83-dos-mamiferos-selvagens/

RF 2https://www.weforum.org/agenda/2018/05/depression-prevents-many-of-us-from-leading-healthy-and-productive-lives-being-the-no-1-cause-of-ill-health-and-disability-worldwide/

RF 3https://mood.sapo.pt/adicao-digital-estudo-comprova-ligacao-entre-uso-excessivo-de-dispositivos-digitais-e-depressao/
RF 4http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/ambiente-como-as-alteracoes-climaticas-transformam-a-economia-2-299486

E podíamos continuar com muitas outras tristes realidades factuais. O grande problema destas tristes realidades é que produzem muito desespero, muita depressão, muito medo do Futuro, muito stress, muita ansiedade, que acaba destruindo presentemente e psicologicamente as vidas de muitas Pessoas. Os decisores Humanos, Líderes mundiais, Políticos e Financeiros, de todos os quadrantes, possuem a grande responsabilidade por estes percursos desastrosos. No entanto, demonstram ser incapazes de produzir mudanças de fundo e de Paradigmas, conduzindo muitos de nós para o abismo (mesmo não estando nós preparados para fazer ‘wingsuit flying’).

Em 2014, no meu livro “Despertar para o Futuro”, tive a oportunidade de escrever um texto, intitulado “A Negligência e o Futuro da Humanidade”, de alerta para a mudança de rumo.

Escrevi então: “O Homem começa a ter conhecimento científico comprovado de que determinados eventos, profundamente negativos em certos momentos da sua vida (como o stress, alimentação deficiente, vícios, abusos de vária ordem, etc.), têm influência nos genes que são transmitidos às gerações seguintes. A ponto de os seus filhos e netos virem a sofrer de doenças e dos mesmos sintomas dos seus Pais e Avós, sem terem sido expostos a esses eventos que provocaram essas ‘alterações’ genéticas [estou a falar da EPIGENÉTICA]. “A Epigenética representa a tua vontade consciente de mudar o teu Futuro escrito”. – Carlos Martorell.

Este é o momento para mudar e começar a preparar o nosso Futuro Coletivo, reganharmos Valores Humanos e transformarmo-nos em verdadeiros Seres Humanos.

Não costumo ser alarmista, mas se não mudarmos as nossas atitudes e comportamentos, não auguro nada de bom para a Humanidade e para o nosso Planeta, num Futuro não muito distante.

Homens com espírito bélico, predador, agressivo, prepotente e dominador são comportamentos que deveriam ser banidos dos ‘hábitos’ dos Homens que se dizem Humanos. Se não o fizermos, consciente e corretamente, seremos acusados de negligência grosseira no Futuro. Ou então, teremos de nos conformar com as mudanças que acontecerão fora do nosso controlo, provocadas por esses homens subvertidos.

E não me venham dizer que esses comportamentos desviantes são necessários à sobrevivência!

Poderemos vir a ser processados pelos nossos Filhos e Netos por essa triste negligência.

Se nos apelidamos de Homens inteligentes e racionais temos de ser muito mais conclusivos, conscientes e verdadeiros, dado o conhecimento desta nova realidade alarmante.

A nossa consciência não terá descanso no Futuro, sabendo o que poderíamos ter evitado às gerações vindouras e nada fizemos, por comodismo, desinteresse, arrogância, prepotência e NEGLIGÊNCIA PURA.

Será que pretendemos desenvolver um Futuro de dependentes de TUDO, viciados em tudo o que não presta para o Homem, mesmo tendo a capacidade (inteligência) de mudar o rumo dos acontecimentos?

Será você também um NEGLIGENTE real ou potencial?

Acredito, pela positiva, que se nos tornarmos mais empáticos, solidários e interventores assertivos na Sociedade, imbuídos de Valores Humanos consolidados, os nossos genes poderão sofrer ‘alterações’ positivas e por consequência, as gerações futuras se beneficiarão dessas boas influências.

O mesmo se passa com as mudanças que temos de produzir no nosso estilo de vida atual, pleno de stress e de ansiedade, onde as Pessoas se sentem pressionadas a toda a hora, por todos os motivos do dia-a-dia.

Todas as melhorias contínuas, de atitudes e comportamentos, que conseguirmos resgatar para o Ser Humano, corrigindo vícios e maus hábitos, terão seguramente boas influências a longo prazo.

Cabe-nos decidir o nosso Futuro individual e coletivo, e, nesta decisão o fator EDUCAÇÃO tem um peso enorme no Futuro. Muitos de nós sabem o que deverá ser realizado para passarmos a ter uma Educação de qualidade para TODOS. Resta sabermos transmitir e sensibilizar a TODOS (incluindo os Governantes) para esta tarefa ciclópica e, em simultâneo, aliciante e motivadora, capaz de mobilizar e transformar uma Sociedade inteira.

Muito se tem falado do Amor ao próximo, por vezes de uma maneira leviana e superficial. Esta é a altura de demonstrarmos o que o verdadeiro AMOR pode fazer pelo resgate do Ser Humano que está ‘adormecido’ dentro de muitos de nós.” – Alfredo Sá Almeida.

Já tivemos tempo para aprender com os nossos erros e de nos colocarmos de acordo com melhores rumos a seguir para o Futuro. Caso não o façamos estamos a ser coniventes com os decisores do rumo ao abismo.

No passado recente surgiu um vídeo produzido por Nick Foster (2016) – líder do departamento Google X – que nos alerta para o facto de as nossas decisões poderem vir a ser ‘manipuladas’, como utilizadores das redes sociais e internet.

RF 5https://tek.sapo.pt/multimedia/artigos/sera-possivel-manipular-as-decisoes-dos-humanos-atraves-da-informacao-e-conduzi-las-para-um-bem-maior#_swa_cname=tek_share&_swa_cmedium=web&_swa_csource=facebook&utm_source=facebook&utm_medium=web&utm_campaign=tek_share

Recomendo a visualização atenta do vídeo (https://www.youtube.com/watch?v=iqUCX5rPQug) mencionado neste artigo. “THE SELFISH LEDGER” ou “A RAZÃO EGOÍSTA” é um documento importante para a nossa Consciência Coletiva. Segundo o autor do artigo em questão “O conceito parece retirado de uma distopia orwelliana, mexendo com as questões da privacidade das pessoas. No entanto, não se trata de nenhum produto, tampouco existem planos para tal tecnologia. Segundo declarações da Google ao Business Insider, o vídeo foi produzido exatamente com o objetivo de ser provocativo, alimentado por uma técnica conhecida como “design especulativo” para explorar ideias menos confortáveis e provocar a discussão e o debate.”

Toda esta realidade é muito preocupante, mesmo sem adicionarmos outros temas como Inteligência Artificial, Robôs Humanoides, Realidade Virtual, Realidade Aumentada, etc. O mal não está nestas tecnologias, mas nos ‘desvios aberrantes’ que o Homem ganancioso e prepotente lhes poderá dar para manter indevidamente um Poder que não merece e que não possui Valor Humano.

Realidade Virtual4

Já nos basta o drama das drogas e dos vícios humanos para destruir a Humanidade. Se acrescentarmos os ‘desvios aberrantes’ da tecnologia, então o Ser Humano será erradicado de vez da face do Planeta.

A meu ver existem razões mais que suficientes para eu continuar a defender o Paradigma do Valor Humano e a difusão generalizada dos Valores Humanos na Educação.

Alfredo Sá Almeida                                                                                 23 de Maio de 2018

A ambição pode destruir o Valor Humano

frases-devido-a-sua-ambicao-e-egoismo-o-homem-faz-da-su-textos-budistas-8344

“A Ambição parece sempre começar onde devia acabar” Emanuel Wertheimer

“Ser ambicioso nada mais é que um desejo forte de conquistar algo, seja financeiramente, politicamente, uma posição melhor no trabalho ou um estilo de vida de acordo com seus ideais.”Renato Mesquita (https://saiadolugar.com.br/ser-ambicioso-e-bom-ou-ruim/)

A meu ver, não é bem assim que encaro a Ambição. Para mim é um sentimento de duas faces. Contém uma dimensão de Valor e outra de Antivalor. Só a própria Pessoa poderá ter consciência da verdadeira dimensão da sua ambição. Mas se os objetivos forem explícitos e positivos tornar-se-á mais fácil uma adesão coletiva a esses propósitos.

Vejamos as faces da Ambição:

  • “Há riqueza bastante no mundo para as necessidades do Homem, mas não para a sua Ambição”Mahatma Gandhi
  • “A Ambição é uma paixão tão imperiosa no coração Humano, que, mesmo que galguemos as mais elevadas posições, nunca nos sentiremos satisfeitos”Nicolau Maquiavel

Outro problema com a Ambição Humana prende-se com a irreversibilidade de atitudes e comportamentos:

  • “Passamos muitas vezes do Amor à Ambição, mas nunca regressamos da Ambição ao Amor”François de La Rochefoucauld

Mas o Valor Humano tem como propósito o Bem-comum. Essa é a dimensão coletiva e positiva da Ambição.

“Qualquer ambição individual ganha força quando alinhada a outras por meio de um propósito comum, tornando-se uma ambição coletiva para alcançar e sustentar uma visão que beneficiará todos. A união entre diferentes atores em prol de um objetivo comum não é um conceito novo.”Bruno Schwartz [‘A força da Ambição Coletiva’] (https://pt.linkedin.com/pulse/for%C3%A7a-da-ambi%C3%A7%C3%A3o-coletiva-bruno-schwartz)

O Homem perde com muita frequência o seu sentido coletivo e positivo do Bem-comum para se deixar envolver em ambições individuais, muitas vezes de dimensão megalómana, que acabam prejudicando tudo e todos. A Consciência Coletiva faz parte do Valor Humano e ajuda-nos a construir o Bem-comum.

Alfredo Sá Almeida                                                                                     14 de Abril de 2018